ANDERSON REAGE A PRORROGAÇÃO DO FEEF: “HÁ OUTROS MEIOS DE AJUSTAR AS CONTAS”

Presidente estadual do PL, Anderson Ferreira, reagiu à decisão do governo de Pernambuco de prorrogar o Fundo Estadual de Equilíbrio Fiscal (FEEF). Segundo ele, isso deveria ter sido uma medida discutida com todo setor econômico e com as lideranças políticas.

.Durante a campanha para governador, Anderson se declarou contrário à prorrogação já feita anteriormente pelo PSB. Na avaliação de Anderson, há outros meios para ajustar as contas, como corte de despesas, Refis, suspensão de isenções e privatizações.

“Não podemos falar em crescimento com a quebra contratos (segurança jurídica dos benefícios já concedidos) e continuar penalizando as empresas que investem e geram empregos no nosso Estado”, destacou Anderson.

Anderson Ferreira lembra ainda, que a bancada do PL na Assembleia Legislativa , no início da campanha do ano passado, apresentou três projetos de lei: I PVA mais barato com o congelamento da tabela Fipe; água mais barata levando a tarifa social para todos que têm direito e a extinção do FEEF para tornar as empresas mais competitivas e estimular a criação de empregos.

“Lamento que a medida (FEEF) seja renovada”, disse Anderson, acrescentando que todos os candidatos da oposição, na campanha, se comprometeram com a desoneração.

Foto: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *