EUA REAFIRMA QUE COVID-19 SAIU DE LABORATÓRIO CHINÊS

EUA dizem que há provas de que Covid-19 veio de laboratório chinês. Segundo o Secretário americano, Mike Pompeu, existe uma “enorme evidência” de que o coronavírus veio de um laboratório em Wuhan, na China, e berço da doença e que Pequim sabia, mas se recusou a dar acesso para outros cientistas internacionais para descobrir o que aconteceu.

“Essa não é a primeira vez que nós temos o mundo exposto a vírus que resultam de falhas em laboratórios chineses”, disse Pompeo ao programa This Week, da emissora ABC.Apesar disso, o Secretário não afirmou que o vírus foi feito pelo homem, já que ele concordou com um relatório do Escritório do Diretor de Inteligência Nacional mostrando que não houve mudança genética ou que a doença foi fabricada. Pompeo também não respondeu se a China espalhou o vírus intencionalmente.

Três meses depois do anúncio da doença, ainda não se sabe qual a origem e a causa da Covid-19. A teoria mais aceita é a de que o vírus, de origem animal, teria vindo de um mercado na cidade de Wuhan, mas não se sabe qual animal é o responsável pela infecção. A dúvida gerou tensão entre os Estados Unidos e a China. O presidente Donald Trump já culpou o país asiático pela pandemia. O presidente americano vem tecendo comentários racistas e campanhas contra a China, desde o começo da crise e na semana passada disse pelo Twitter que algumas emissoras norte-americanas trabalhavam como “fantoches chineses”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *