GOVERNO NÃO PAGA CACHÊS DE ARTISTAS NA MISSA DO VAQUEIRO DE SERRITA.

   Falta de pagamento de cachês por apresentações na Missa do Vaqueiro de Serrita tem gerado transtorno entre artistas, técnicos, equipe de palco e fornecedores. Produtores alertam que só receberam do Governo do Estado 50% do prometido para 2018. O pagamento com relação ao evento em 2019 continua em aberto. 

  “Agora não é mais nem uma questão de paciência, é uma questão de necessidade. Muitos profissionais estão passando por problemas sérios e nós não temos uma resposta assertiva da Empetur”, diz a presidente da Fundação Padre João Câncio, Helena Câncio, uma das produtoras do evento cultural/religioso, considerado um dos maiores do Sertão e que este ano completa a emblemática marca de 50 edições. 

 Em nota, a Secretaria de Turismo e Lazer de Pernambuco informou que o repasse dos valores ainda depende da resolução de “inconsistências identificadas pelo Tribunal de Contas de Pernambuco na execução e prestação de contas dos gastos apresentados pelos três produtores da Missa de Serrita, que foram devidamente informados à época sobre o parecer do TCE”.

  Com relação às pendências informadas pela Secretaria de Turismo e Lazer, os produtores da Missa do Vaqueiro de Serrita afirmam que ainda aguardam por mais explicações. E acrescentam: “Se havia pendências, como autorizaram a realização da edição do ano passado?  Não faz sentido. É um evento de grande importância pro estado e para o Brasil. Esses artistas, estes técnicos, estão quase sem trabalhar durante a pandemia. Isso agrava ainda mais a situação. Esperamos mais respeito e sensibilidade por conta das autoridades”. 

   Apesar dos problemas, no ano em que completa sua 50ª edição, a Missa do Vaqueiro de Serrita, primeira e mais tradicional festa da região, não vai deixar passar a data em branco por conta do coronavírus e da falta de apoio. A Fundação Padre João Câncio organiza programação enxuta com apoio e colaboração dos artistas.  

  Estão programadas duas lives com música e religião.  Os nomes já confirmados são: Josildo Sá, Flávio Leandro e Coral Aboios, entre outros,  no próximo dia 25.  No domingo 26 haverá  a participação do bispo da Diocese de Salgueiro – Dom Magnus com  benção aos vaqueiros. A programação pode ser conferida nas redes sociais da Missa: @missa_do_vaqueiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *