HOMENAGENS A PADROEIRA DO RECIFE TEM PÚBLICO REDUZIDO E NOVENÁRIO AGENDADO

Começou nesta quarta-feira (01), a Festa de Nossa Senhora do Carmo, no Recife, mas de maneira diferente da tradicional. As celebrações à padroeira da cidade – devido à pandemia do novo coronavírus, tem este ano público reduzido e menos missas diárias. Além disso, não haverá a procissão com a imagem da santa pelas ruas da capital, como costuma acontecer sempre, no dia 16 de julho.

  A imagem peregrina será colocada do lado de fora da Basílica do Carmo, na região central do Recife, onde os fiéis podem adorá-la. As medidas são para evitar aglomerações e, assim, diminuir o risco de contágio pela Covid-19.

“Este ano vai ser bem diferente. A igreja está preparada diante desta pandemia, dando graças a Deus e a Nossa Senhora por ter a oportunidade de celebrar a festa com a presença dos fieis. A Basílica estará aberta todos os dias, as pessoas terão acesso à imagem no corredor que vamos preparar e não poderão ficar dentro da igreja por muito tempo”, disse frei Rosenildo Alexandre, reitor da Basílica do Carmo.

  Outras determinações sanitárias também permeiam o evento: o público em cada missa é restrito a 30% da capacidade da Basílica, ou seja, 120 pessoas. Os bancos são sinalizados para manter o distanciamento  e o novenário  está sendo  agendamento pelo WhatsApp, através do número (81) 9.9723-9140.

 De acordo com o Frei, seguranças e voluntários da Igreja fazem a fiscalização para evitar que o número exceda o permitido pela Arquidiocese de Olinda e Recife. Ele também apela ao bom senso dos fieis, para o uso  de máscaras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *