JUSTIÇA DETERMINA QUEBRA DE SIGILO BANCÁRIO E FISCAL DO SECRETÁRIO DE SAÚDE DO RECIFE

 

O RECIFE 

  Ministério Público Federal e Justiça Federal decretaram a quebra dos sigilos fiscal e bancário do Secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia e de outros auxiliares da secretaria.  Pela determinação, tiveram sigilos  quebrados os seguintes funcionários: Gerente de Monitoramento de Infraestrutura – Mariah Simões da Mota Loureiro Amorim Bravo;  Diretor-Executivo de Administração e Finanças – Felipe Soares Bittencourt; Gerente-Geral de Finanças – Fernanda Emanuelle Arantes Castro da Silva e do Gerente de Projetos Especiais Paulo Henrique Mota Matoso.   

  Os nomes, de alguma forma atuaram, na qualidade de servidores, na contratação, pagamento ou na rescisão do contrato com a empresa Juvanete. As  ordens de  quebra de sigilo  foram encaminhadas  pela Juíza Federal Carolina Malta ao Banco Central do Brasil e à Receita Federal. 

  Na Representação do Delegado da Polícia Federal Daniel Silvestre, da Delegacia de Combate à Corrupção e aos Crimes Financeiros, encaminhada à Juíza Carolina Malta, da 36ª Vara Federal, consta que durante o cumprimento do mandado na residência de Adriano Cabral, ficou constatado  que  ele  (Adriano)  já havia sido  representante da empresa Brasmed,  em Pernambuco e  que mantinha  amizades com o Secretário, que  já foi  seu chefe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *