MEIRA CRITICA LOCKDOWN, DESVIO DE VERBAS E DIZ QUE GERALDO JULIO FOI QUEM MAIS ROUBOU

O presidente do PTB em Pernambuco, Coronel Meira, criticou nesta quinta-feira (18), as novas medidas restritivas e falou sobre os recursos enviados pela União ao Governo de Pernambuco e à Prefeitura do Recife, ano passado para ações de enfrentamento a pandemia. Ele endureceu afirmações sobre o então prefeito,, Geraldo Julio (PSB): “ foi quem mais roubou”. Declarações foram feitas durante entrevista no Programa Frente a Frente.

“O governador Paulo Câmara desviou R$ 70 milhões para pagar dívida interna e ele vai responder por isso, como seu Geraldo Julio, que comprou respiradores de porcos e desviou. Geraldo Julio foi o prefeito mais ladrão do Brasil, foi quem mais roubou”, declarou.

Meira cobrou celeridade da Polícia Federal nas investigações que pairam sobre o dinheiro utilizado pela Prefeitura, no combate à pandemia e chegou a apontar uma benevolência da instituição, com o Governo do Estado. “A Superintendência da Polícia Federal faz parte da cozinha do Governador”, disparou.

Ele também acusou o governador Paulo Câmara de beneficiar aliados no lockdown, como o empresário Bruno Schwambach, ex-secretário estadual de Desenvolvimento Econômico. “O Governador do Estado volta a criar benesses para aquele grupozinho que sempre está ali, mamando nas tetas do Governo de Pernambuco. E, aí , o seu secretário Bruno Schwambach pega as empresas de revendas de carros, que ele tem várias… não tenho nada contra o Grupo Schwambach, mas o ato em si, que o Governador está beneficiando”, afirmou.

Coronel Meira e o seu partido se posicionam claramente contra o lockdown. Por isso, o PTB de Pernambuco entrou com um mandado de segurança no Tribunal de Justiça do Estado – TJPE para barrar a quarentena. De acordo com o Presidente da legenda, a solicitação está sob análise do desembargador Márcio Fernandes de Aguiar. “Estamos aguardando, o mais rápido possível, que ele conceda esse pedido que o PTB está fazendo em Pernambuco, em benefício de toda a população”, comentou Meira.

Ao ser questionado se há uma defesa de interesses do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), do qual o PTB é aliado, Coronel Meira declarou: “Não é fazer o jogo de Bolsonaro. Nós estamos fazendo jogo do que é correto. A gente sabe que existe a pandemia, é uma coisa séria, mas pior que a pandemia é parar a economia, parar de circular o dinheiro”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *