MOSCOU REABRE ECONOMIA APESAR DO AUMENTO DE CASOS DA COVID-19

A capital da Russa inicia nesta segunda-feira (01) uma nova etapa da flexibilização do confinamento, com a autorização de abertura de mais estabelecimentos comerciais e de passeios para os moradores, apesar do aumento do número de casos diários na semana passada.

  Depois de mais de dois meses fechados, muitos estabelecimentos comerciais reabrirão as portas e os parques em Moscou serão acessíveis novamente.  Os moscovitas devem usar máscaras no espaço público. Cafés, restaurantes e cinemas continuarão fechados e as concentrações seguem proibidas até nova ordem.

 No domingo (31), em apenas um dia, mais de 9 mil novos casos foram registrados e a Rússia  ultrapassou  o número de  400 mil infectados.  A taxa de letalidade, no entanto  é pequena – são 4.693 mortes até o momento. Moscou registra quase metade dos contágios, com 180.791 casos e 2.477 mortos. O número de novos casos voltou a aumentar desde quinta-feira e no domingo alcançou 2.595 na cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *