“PATRIMÔNIO VIVO” DE PERNAMBUCO COMETE SUICÍDIO

O mestre de Mamulengo, José Lopes da Silva Filho, 70 anos, conhecido como Zé Lopes foi encontrado morto no quintal da sua residência, localizada no Bairro Nova Glória, No município de Glória do Goitá. 

  O caso foi registrado pela Polícia Militar na tarde desta sexta-feira (21) como suicídio. De acordo com a PM, José Lopes  tirou a própria vida, por meio de  enforcamento.  Ainda  não foi revelado o possível  motivo que  teria levado  o mestre de mamulengo ao suicídio. 

  Reconhecido como um dos mestres mais representativos da tradição do mamulengo  e um dos mais antigos em atuação, Zé Lopes foi agraciado pelo Iphan com o Prêmio Teatro de Bonecos Popular do Nordeste – Mamulengo, Cassimiro Coco, Babau e João Redondo e, recentemente, com o Prêmio Ariano Suassuna de Cultura Popular e Dramaturgia. Em 2017 entrou para o rol do grupo que integra o Patrimônio Vivo do Estado. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *