PCR NEGA FALTA DE TRANSPARÊNCIA EM CONTAS DA COVID-19 AUTOR DA AÇÃO DIZ QUE GESTÃO MENTE

Prefeitura do Recife emitiu nota nesta quarta-feira (06),  em resposta a recomendação do Ministério Público Federal  – MPPE e Ministério Público de Contas – MPCO,  na ação impetrada pelo pré-candidato a vereador do Recife, Rafael Dantas (PDT)  pedindo transparência nas contas do prefeito Geraldo Júlio  relativas  ás ações  implementadas  por conta do novo coronavírus.   

   No documento a PCR diz que atua com total transparência  nas contratações realizadas para o enfrentamento da Covid-19, na capital.” Uma das primeiras ações  do Plano Municipal de Contingência foi estabelecer uma parceria com o Tribunal de Contas do Estado, para atuar conjuntamente  com a Corte do MPCO  no acompanhamento das contas”.   Afirma ainda que Recife é reiteradamente considerada a capital  “mais transparente do Brasil”, diz a nota. 

  A  resposta da PCR é contestada veementemente, por Rafael Dantas, que  considerou  a mesma, “apenas  falácia “ .  Ele volta a criticar  o comportamento da PCR com relação a falta de transparência – razão pela qual  pediu  explicações  e afirma que  no Portal  da Transparência  da municipalidade  nada tem escrito a respeito da visibilidade dos gastos ,com a Covid-19 . 

   Lembra que o “Prefeito falta com a verdade”. “Ao contrário de outras  prefeituras de  capitais do Nordeste, como por exemplo,  Fortaleza  – onde está tudo bem explicado , alinhado nos seus devidos tópicos e de fácil acesso ao cidadão, aqui no Recife, a Prefeitura esconde  a  verdade. da população”,  destaca Rafael Dantas. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *