PREFEITURA DE SÃO LOURENÇO É DENUNCIADA POR SUPERFATURAMENTO E EMPRESA FANTASMA

Prefeitura de São Lourenço da Mata foi denunciada ao Ministério Público de Pernambuco – MPPE, após ter contratado a Empresa Maria da Conceição dos Santos Mercadinho, inscrita no CNPJ n° 11.306.499/0001-86, tendo o objetivo de fornecer cestas básicas para as famílias desamparadas por conta do COVID-19. A denúncia foi protocolada no Ministério Público de Pernambuco por Michelle Sousa, vice-presidente do Movimento Camaragibe Livre.

  De acordo com a denúncia, a prefeitura pagará R$ 77,50  por cada cesta – 30% acima valor de R$ 60.00, cobrado pelos supermercados São Lourenço da Mata. Ainda segundo a denúncia, a empresa contratada é de “fachada”, pois, ao consultar o endereço informado na Receita Federal, o registro encontrado é Rua Cleto Campelo, N° 166, Bairro de Duque de Caxias, Toritama-PE. É possível verificar no site após consulta do número do CNPJ que a empresa está cadastrada em uma garagem sem nenhuma identificação.   

   O Documento protocolado foi encaminhado ao Ministério Público de Pernambuco – MPPE, com o número de manifestação: 108121. “Objetivo da ação é combater a corrupção no Município de São Lourenço da Mata usando as ferramentas de denúncia. É o dever do cidadão impedir que políticos corruptos continuem infringindo leis”, disse Michelle Sousa.  “A luta contra a Covid-19 envolverá recursos municipais e também federal transferidos para o município.  Por isso, tanto o MPPE quanto o MPF devem receber as denúncias e cada qual obrigar a transparência”, ressaltou Michelle.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *