PROJETO DESENVOLVIDO PELA PREFEITURA DE JABOATÃO É SELECIONADO PARA PRÊMIO DA OPAS

Projeto desenvolvido pela Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, através da Secretaria de Saúde criou aplicativo que mapeia pacientes suspeitos ou confirmados  de Covid-19.  Iniciativa  elaborada por equipes da Unidade de Saúde da Família – USF Santa Felicidade  foi classificada na primeira etapa do prêmio “APS Forte para o SUS no Combate à Pandemia”  foi  apresentada em live, na quinta-feira (25), a Organização Pan-Americana da Saúde  – Opas e Ministério da Saúde .

  Premiação da Opas, tem como objetivo valorizar e divulgar experiências que tragam soluções para atender a população durante a emergência sanitária. Jaboatão foi a única cidade do Nordeste, escolhida para concorrer.  O trabalho elaborado no município do Jaboatão aplica a ferramenta tecnológica de geolocalização do Google Earth para acompanhar pacientes suspeitos ou confirmados para o novo coronavírus, permitindo visualizar de forma rápida no gráfico territorial a distribuição dos casos, diferenciados por sua classificação clínica.

  O mapeamento é baseado no monitoramento dos pacientes, conforme preconizado pelo Ministério da Saúde, permitindo alertar à equipe e à gestão municipal quanto à distribuição territorial da doença, além de viabilizar o planejamento de ações específicas e o monitoramento ágil dos pacientes em microáreas da cidade. Outro ganho da ferramenta é a utilização de uma tecnologia pré-existente e gratuita, que, somada aos esforços da rede de saúde municipal, contribuiu para o ágil monitoramento e acompanhamento territorial de casos da Covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *