RODOVIÁRIOS REALIZAM PROTESTO POR MAIS SEGURANÇA E CIRCULAÇÃO TOTAL DOS ÔNIBUS

 Motoristas e cobradores de ônibus realizaram  protesto no início da manhã desta terça-feira (16)  para cobrar mais segurança, operação de 100% da frota e denunciar o volume excessivo de trabalho.  Os ônibus ficaram  parados na Avenida Guararapes, área central do Recife,e muitos passageiros precisaram descer dos veículos e seguir o trajeto a pé.

  Segundo os rodoviários, um cobrador foi assassinado ontem,, em Jaboatão dos Guararapes. Gilson Pereira da Silva foi baleado na noite desta segunda-feira (15) durante um assalto ao coletivo da Empresa Mirim.  Ele chegou a ser socorrido, mas não sobreviveu.  De acordo com a categoria, eles estão sobrecarregados, trabalhando sob pressão e com ônibus lotados.

  Presidente da Associação dos Rodoviários de Pernambuco, Roberto Carlos Torres diz que o Grande Recife Consórcio de Transporte precisa autorizar o quanto antes , a volta de 100% da frota. “Os ônibus estão parados na garagem esperando a liberação do Grande Recife e circulando  superlotados, com carga para dois coletivos,  carregada em um só. O que nós queremos é que o Grande Recife cobre das empresas e coloque essa frota na rua, até para que os trabalhadores possam voltar a exercer suas funções”, ressaltou.  Líder classista    lembra que 32 rodoviários morreram de Covid-19. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.