VEREADORES APROVAM CALOTE DO PREFEITO NAS CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS DO MUNICÍPIO

Câmara de Vereadores do Recife aprovou, segundo explicação, com base no art. 9º, § 2º, da LC 173/2020, a suspensão do pagamento das contribuições previdenciárias do Município.  Com a decisão, o prefeito Geraldo Júlio (PSB) deixa de  pagar 10, dos 12 meses do exercício de 2020, da Previdência  dos servidores  – o Reciprev ,  o que representa cerca de R$ 112 milhões,  que serão empurrados para às duas próximas gestões. 

  A previsão é de que,  o valor não recolhido seja parcelado em até 60 meses, o que extrapola o tempo do  mandato total do próximo prefeito, que além de pagar a Previdência dos exercícios correntes do seu mandato, terá que arcar com a dívida deixada por Geraldo Julio. De acordo com a avaliação atuarial, a previsão de receita com as contribuições previdenciárias patronais, ou seja, devidas pela Prefeitura do Recife ao Regime Previdenciário Próprio é da ordem de R$ 134.607.884,92. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *