CANTOR BELO É PRESO APÓS SHOW COM AGLOMERAÇÃO EM ESCOLA DO RIO

O cantor Belo foi preso nesta quarta-feira (17/) após investigação sobre um show realizado pelo artista no Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio. No onde foram registrados desrespeitadas as leis de prevenção a Covid-19 e grande aglomeração de pessoas .

O evento aconteceu último sábado, na Escola Municipal do Parque União. Segundo os agentes da Delegacia de Combate às Drogas – DCOD, da Polícia Civil, a festa teve autorização da Secretaria Municipal de Saúde. A polícia ainda investiga a invasão ao colégio.

Além de Belo, foram presos Célio Caetano e Henrique Marques, sócios da produtora que organizou o evento e Jorge Luiz Moura Barbosa – o Alvarenga, chefe do tráfico de drogas, no Parque União.

IINVESTIGAÇÃO

“Fizemos o show seguindo todos os protocolos. Não temos controle do geral. Isso nem os governantes têm. As praias estão lotadas, transportes públicos, e só quem sofre as consequências são os artistas. Fomos o primeiro segmento a parar e, até agora não temos apoio de ninguém sobre a nossa retomada. Sustentamos mais de 50 famílias, disse o cantor. ” A polícia informou que todas as pessoas envolvidas no evento serão ouvidas, inclusive o cantor, que será intimado para esclarecer quem pagou o cachê do show.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *