CHUVA DA MADRUGADA DEIXA RUAS ALAGADAS E ÁGUA INVADE CASAS NA RMR

Por G1 PE

O grande volume de chuvas registrado na madrugada desta segunda-feira (15) alagou ruas e a água invadiu casas em  Camaragibe , no Grande Recife. Em alguns pontos da cidade, as pessoas tiveram dificuldades de deixar as residências devido o grande volume de água. Também foram registrados transtornos no Cabo de Santo Agostinho.

A Prefeitura de Camaragibe informou que foram registrados 89 milímetros de chuva. em 12 horas na cidade. Segundo a Agência Pernambucana de Água e Climas -Apac, o esperado para o mês de fevereiro no município é 122,9 milímetros, ou seja, choveu cerca de 70% do previsto para 28 dias em 12 horas.

Na Avenida Belmiro Correia, em Alberto Maia, moradores tiveram dificuldades de sair de casa e ficaram ilhados logo no começo da manhã. “Está chovendo muito forte desde às 3h”, contou um morador, que não se identificou.

O professor de informática Romero Ferreira saiu de São Lourenço da Mata e seguia em direção ao Recife, onde trabalha, quando encontrou o alagamento no Bairro de Alberto Maia.

“A cidade [Camaragibe] estava um transtorno, muita água. O ônibus demorou para conseguir passar pela rua que fica próxima ao Atacadão [supermercado]. Cheguei bem mais tarde na estação do metrô”, contou. Famílias que tiveram as residências invadidas pela água e lama lamentaram os prejuízos.

Com ruas e avenidas da cidade alagadas, o trânsito ficou complicado e vários congestionamentos foram registrados. No Terminal Integrado do Timbi, por exemplo, passageiros relataram atrasos e demora para que os ônibus chegassem ao local.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é IMAGEM-ALAGAMENTO-3.jpg
Foto: Reprodução/WhatsApp – Alagamento, na plataforma do metrô em Camaragibe, nesta segunda-feira (15)

Morador da Rua Maria Aparecida de Barros, no Bairro de Timbi, o funcionário público Mário Ferreira contou que havia pontos em que a água chegava na altura das coxas. “A gente mora a 150 metros da prefeitura e aqui vira um rio toda vez que chove. Acordamos às 5h e já estava um barulho forte de água.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, um acionamento foi registrado na manhã desta segunda, mas, antes de a equipe chegar ao local, o solicitante dispensou o resgate. A Companhia Brasileira de Trens Urbanos – CBTU informou, por meio de nota, que “a Estação Cosme e Damião da Linha Centro do Metrô ficou alagada devido à água da chuva oriunda do Terminal Integrado”. A estação foi fechada às 5h27 e reaberta por volta das 9h20.

Segundo a prefeitura de Camaragibe, houve desabamento de uma casa, localizada no antigo aterro do lixão, no Bairro de Céu Azul e moradora do local foi abrigada na casa da vizinha.

CABO DE SANTO AGOSTINHO

Nas últimas 24 horas, a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) registrou 92 milímetros de chuva no Cabo de Santo Agostinho. Segundo a prefeitura, nesta segunda-feira (15), ocorreram quatro deslizamentos no município, sendo dois no bairro da Charneca, um na Charnequinha e outro em Pirapama. A Defesa Civil foi acionada e não houve vítimas e danos patrimoniais.

A previsão para o resto do dia é de redução gradual das chuvas, segundo a prefeitura. A Defesa Civil está com uma equipe volante no Cabo monitorando e colocando lonas. Os moradores de áreas de risco podem acionar a Defesa Civil pelo telefone 0800 281 853.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *