REINO UNIDO INICIA IMUNIZAÇÃO CONTRA O NOVO CORONAVÍRUS COM VACINA DA ASTRAZENECA

O Reino Unido iniciou nesta segunda-feira (04), a vacinação contra a Covid-19 com o imunizante desenvolvido pela AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford. A vacina, aprovada no pais europeu, em 30 de dezembro, é a principal aposta do governo brasileiro contra o coronavírus.

A primeira dose foi aplicada em Brian Pinker, de 82 anos. Ele recebeu a vacina às 7h30 da manhã, horário local (4h30 em Brasília), em um dos hospitais da própria universidade . O Reino Unido já realiza a vacinação de grupos prioritários contra a Covid-19 usando a vacina produzida pela Pfizer/BioNTech – que requer tecnologia mais cara e específica de armazenamento.

As principais diferenças entre as duas vacinas são, o custo para aquisição e armazenamento. A vacina da AstraZeneca/Oxford requer a temperatura de uma geladeira comum, de 2ºC a 8ºC, enquanto a da Pfizer/BioNTech precisa de um equipamento de ultracongelamento, à temperatura de -70ºC. O imunizante da Oxford também é uma alternativa mais barata, com custo de € 1,78 por dose (R$ 11,36), contra € 12 (R$ 76,57) pela dose da Pfizer.

A vacina da AstraZeneca/Oxford tem eficácia em torno de 70% contra a Covid-19. O dado foi  divulgado pela médica epidemiologista Lily Yin Weckx, coordenadora dos testes do imunizante no Brasil. Em novembro, a AstraZeneca anunciou que a  eficácia do imunizante varia 62% a 90%, dependendo da dosagem aplicada.

O Governo brasileiro comprou 100 milhões de doses da vacina da AstraZeneca/Oxford por R$ 1,9 bilhão. Os recursos foram liberados por meio de uma medida provisória assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, aprovada no começo de dezembro pelo senado. O acordo prevê ainda a transferência de tecnologia para que a vacina seja produzida no Brasil pela Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz.

Como forma de antecipar o início da vacinação, a Anvisa aprovou no último sábado, pedido feito pela Fiocruz para  importar 2 milhões de doses já prontas da vacina produzida pela AstraZeneca/Oxford. A autorização só vale para a importação das doses. A aplicação da vacina ainda não foi autorizada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *