PRESIDENTE DO STF FEZ JUSTIÇA DIZ CARREIRO SOBRE AFASTAMENTO DE MATUTO

O prefeito em exercício de Paulista, Jorge Carreiro (PV) disse durante entrevista,  na noite desta sexta-feira (23), o que presidente do Supremo  Tribunal Federal – STF, ministro Luiz Fux,  foi  justo na sua decisão. “A Justiça está sendo colocada no devido lugar. Ela havia se posicionado e depois, numa medida monocrática do então presidente do Dias Toffoli, fez com que Junior Matuto retornasse.

   Agora, o Supremo, através do presidente Fux, acolheu um agravo regimental nosso, bem fundamentado, decidindo pelo afastamento. Isso é Justiça”, declarou.  Ministro  Fux cassou decisão do ministro Dias Toffoli, que autorizou em agosto o retorno do prefeito Junior Matuto (PSB), afastado do cargo pela primeira vez, no último mês de julho. A Justiça determinou sua saída da Prefeitura em decorrência das operações Chorume e Locatário, deflagradas pela Polícia Civil para investigar crimes de fraude em licitação, peculato e organização criminosa na administração pública e entre empresários.

   Na época, Jorge Carreiro reclamou da medida, uma vez que Junior Matuto havia ingressado com uma ação no Superior Tribunal de Justiça, instância inferior ao STF que não chegou a apreciar a matéria. O prefeito em exercício chamou a decisão de Toffoli de “anomalia”. Eleito duas vezes vice-prefeito na chapa encabeçada por Junior Matuto, em 2012 e 2016, mas rompeu com o gestor  afastado.

    Carreiro também comentou declaração de Matuto afirmando  que o candidato Francisco Padilha (PSB) derrotará o ex-prefeito Yves Ribeiro (MDB).  “É uma fantasia !  “O candidato Padilha, em que pese ter certas qualidades, carrega sob suas costas um governo reprovadíssimo, desarrumado. O melhor índice de intenção de voto que ele conseguiu até agora não chega a 9%. Ele está na terceira fila. Então isso não tinha chance alguma antes  e, muito menos agora” , pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *