PROPOSTA ATUAL DO RENDA BRASIL ESTÁ SUSPENSA DIZ PRESIDENTE

Presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (26), durante  compromisso  de agenda, em  Ipatinga,  Minas Gerais, que não vai mandar ao Congresso Nacional,  o projeto do ministro Paulo Guedes, que  tira recursos do abono salarial do Pis/Pasep para o novo Programa Renda Brasil. “Não posso tirar de pobre para dar para paupérrimos”, justificou. 

 “O abono, para quem ganha até dois salários mínimos, representa um décimo quarto salário. Não podemos tirar isso de 12 milhões de pessoas, para dar para um programa  social – seja lá  qual  for o nome desse novo programa”  disse  Presidente.  E, prosseguiu: “ou o Brasil começa a produzir, começa realmente fazer um plano que interessa a todos nós  – que é o melhor programa social que existe –  o  emprego –  ou estamos fadados ao insucesso”,  enfatizou  

   Presidente destacou que, o Brasil foi um exemplo no enfrentamento dos problemas econômicos surgidos com a pandemia. “Atendemos ao maior número de pessoas que necessitavam – em especial os desassistidos, os invisíveis ou os informais, que chegam à casa de 65 milhões de pessoas. “R$ 50 bilhões por mês é uma conta pesada. Sabemos que R$ 600 é pouco para muita gente que recebe, mas é muito para o País que se endivida. O Presidente foi a Ipatinga para inaugurar um dos fornos de produção de ferro guza, da Usiminas.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *