GOVERNO DO ESTADO VOLTA A PROIBIR FESTAS E EVENTOS PARA CONTER AVANÇO DA COVID-19

Foto: Reprodução/Youtube

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta quarta-feira (20), que eventos sociais e corporativos estarão proibidos no Estado, a partir da próxima segunda-feira, dia 25. A previsão é de que a determinação fique valendo, por pelo menos, 30 dias. Também está sendo estudado o fechamento de parques, devido ao avanço da pandemia nas cidades pernambucanas.

O anúncio foi feito em pronunciamento transmitido pela internet. Justificativa é o aumento no número de casos graves de pacientes confirmados com Covid-19 e de internações. A primeira vez que os eventos foram vetados, ocorreu em março de 2020 – com a chegada da pandemia ao Estado. A medida durou até setembro.

Atualmente, segundo o secretário estadual de Saúde, André Longo, há mil pacientes internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), das redes pública e privada, em Pernambuco. Na semana anterior, o Governo do Estado anunciou a proibição de som, ao vivo ou mecânico, em bares, restaurantes, praias, boates e em qualquer outro local que possa provocar aglomerações.

“Entendemos pela suspensão dos eventos sociais e corporativos a partir da segunda-feira (25), pelo prazo de 30 dias. Eles podiam ser realizados, até então, com 150 pessoas”, declarou o secretário de Turismo, Rodrigo Novaes.

De acordo com André Longo, houve aumento de 17% na comparação de 15 dias nos registros de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) – foram registrados 787 casos na segunda semana de janeiro.

“Ainda precisamos manter os cuidados e reforçar a fiscalização. Podemos fechar os parques, onde o abandono do uso da máscara tornou-se quase que uma normalidade, caso não haja mudança de atitude. O Comitê de Enfrentamento à Covid-19 vai avaliar essa questão”, disse André Longo. Com informações do G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *